Número total de visualizações de página

sábado, 20 de dezembro de 2014

Insurgente - Veronica Roth. [ Opinião ]

Sinopse : « A tua escolha pode transformar-te ou destruir-te. Mas qualquer decisão tem consequências e, à medida que as várias fações começam a insurgir-se, Tris Prior precisa de continuar a lutar pelos que ama - e por ela própria.
O dia da iniciação de Tris devia ter sido marcado pela celebração com a fação escolhida. No entanto, o dia termina da pior forma possível e a guerra parece ser inevitável.
Transformada pelas suas decisões mas ainda assombrada pela dor e peça culpa, Tris terá de aceitar em pleno o seu estatuto de Divergente, mesmo que não compreenda completamente as consequências dessa escolha.
A muito esperada continuação da saga Divergente volta a impressionar os fãs, com um enredo pleno de ação, romance e desencanto amoroso, mas acima de tudo uma maravilhosa reflexão sobre a natureza humana. »


Opinião : Bem, eu, no geral, gostei muito do livro. Li-o rapidamente, até.
Gostei do livro, é verdade, mas o assunto não muda quase nada.. Vemo-nos presos no mesmo. Algumas das atitudes da Tris são repetitivas, e pronto.
Eu não tenho muito a dizer sobre este livro, realmente. É a continuação de Divergente, portanto acho que quem começou a saga, quer terminá-la! É o meu caso, li Divergente e Insurgente e agora quero ler Convergente, só não sei quando o vou conseguir.
Fiquei um pouco surpreendida com o final do livro, e claro, que me deixou a desejar ler mais. Fiquei irritada pelos sem fação estarem no comando [ desculpem lá os spoilers ] , e eu admito, não gosto dos sem fação. xD
Confesso que gostei muito mais do Divergente do que do Insurgente, mas não desgostei de todo!
Bem, quando puder irei ler Convergente.

4/5 estrelas.

Excerto que gostei :

« Já percebi que as pessoas são feitas de várias camadas de segredos. Acreditamos que as conhecemos e que as compreendemos mas os motivos delas ficam sempre escondidos dos outros, enterrados nos seus próprios corações. Nunca as conhecemos mas por vezes decidimos confiar nelas. »

Informações sobra a autora na opinião anterior.

Sem comentários:

Enviar um comentário